Observação: É proibida a reprodução total ou parcial deste Blog, sem a devida autorização da Equipe.

Compartilhando idéias, falando sobre odontologia e trocando informações

Este blog nasceu da necessidade de conectar a inspiração de suas criadoras com a mídia e as redes sociais.
Estamos em ascenção, nos organizando para trazer ao leitor textos impactantes, modelados na medida das necessidades de nossos leitores e de nossas próprias.
Não temos a pretensão de sermos um blog que vem ensinar mas, estamos em movimento de pesquisa constante, para aprender e divulgar o que for relevante às idéias que inspiraram sua criação.
Esteja conosco. Será um prazer desfrutarmos deste tempo juntamente com você.

Equipe Odontologando

terça-feira, 24 de julho de 2012

HPV e as manifestações bucais

   *O que é HPV?
É um vírus (papilomavírus humano) que infecta a pele e se desenvolve em várias partes do corpo humano. Enquanto alguns tipos de HPV atingem as mãos e pés, outros têm preferência pela área genital, sendo transmitidos, em geral, sexualmente.

*Como a doença se apresenta?
O HPV pode provocar o aparecimento de verrugas genitais semelhantes à verrugas de outras partes do corpo. Como qualquer verruga, elas não doem e podem ser únicas ou múltiplas, pequenas ou grandes, rosadas ou acastanhadas.
Quando não são tratadas, as verrugas do HPV, podem crescer em tamanho e número, adquirindo o aspecto semelhante ao de "couve-flor". As verrugas genitais são chamadas de condiloma acuminado e popularmente são chamadas de "crista de galo".


Na cavidade oral, pode se manifestar de diversas formas, derivados de diversos tipos de HPV, apresentando-se como lesões benignas como o papiloma escamoso, a verruga vulgar, e a hiperplasia epitelial focal. Podem ser encontradas também lesões associadas à outras potencialmente malígnas como as leucoplasias e o líquen plano e finalmente ao próprio carcinoma espino-celular.

HPV é mais comum do que se pensa: a infecção pelo HPV já é considerada uma epidemia no mundo todo. No Brasil, é a principal DST (doença sexualmente transmissível), com mais de 10 milhões de pessoas infectadas.

Uma doença de homens e mulheres: o HPV está presente em 95% dos casos de câncer de colo de útero, sendo um dos principais causadores desta doença. Ele também está presente em quase metade dos casos de câncer de pênis e pode ser responsável por casos de câncer anal.
O homem, mesmo sendo portador do vírus, não apresenta lesão visível em 80% dos casos.

O HPV pode ficar escondido: permanendo no corpo humano sem apresentar sintomas, por muito tempo. As primeiras manifestações podem surgir, em geral, de dois a oito meses, mas, podem demorar até 20 anos. É praticamente impossível determinar em que época uma pessoa foi infectada.

O HPV tem tratamento: o tratamento para o HPV pode eliminar as verrugas e controlar a doença. Existem várias opções de tratamento e os resultados vão depender do sistema imunológico de cada um.
Algumas pessoas entram em contato com o vírus e não adquirem a doença. Outras, adquirem o vírus e o eliminam espontaneamente.
Pessoas com imunidade baixa, podem adquirir e permanecer com o vírus. As verrugas deverão ser tratadas à medida que aparecerem.

Vacinas: as vacinas, podem ser tomadas obtendo-se uma prevenção sobre os tipos de vírus mais prevalentes, responsáveis pelo câncer de colo de útero. Está indicada para mulheres entre 9 e 26 anos de idade e está disponível na rede médica privada, sendo fabricada por dois laboratórios diferentes.






Fontes: Ministério da Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário. Será um prazer poder recebê-lo.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Postagens populares

Pesquisar este blog

Carregando...