Observação: É proibida a reprodução total ou parcial deste Blog, sem a devida autorização da Equipe.

Compartilhando idéias, falando sobre odontologia e trocando informações

Este blog nasceu da necessidade de conectar a inspiração de suas criadoras com a mídia e as redes sociais.
Estamos em ascenção, nos organizando para trazer ao leitor textos impactantes, modelados na medida das necessidades de nossos leitores e de nossas próprias.
Não temos a pretensão de sermos um blog que vem ensinar mas, estamos em movimento de pesquisa constante, para aprender e divulgar o que for relevante às idéias que inspiraram sua criação.
Esteja conosco. Será um prazer desfrutarmos deste tempo juntamente com você.

Equipe Odontologando

sábado, 19 de maio de 2012

Higienização das Mãos em Serviços de Saúde

A finalidade da higienização simples das mãos é remover os microorganismos, que colonizam a camada superficial da pele, assim como o suor, a oleosidade e as células mortas, removendo tudo aquilo que propicia a permanência e à proliferação dos microorganismos.
Duração do procedimento: 40 a 60 segundos.





Dados fornecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Para refletir.


O gênio e as rosas


Era uma vez três homens – um ingrato, um conformado e um generoso – que foram visitados por um gênio da lâmpada. Espantados perguntaram:
“Gênio, que nos trazes?”
“Rosas!”, disse o gênio. E abrindo seu manto mágico, dele retirou três lindos buquês de rosas, que ofereceu aos visitados, entregando um para cada.
Antes de partir, olhou-os fixamente e, percebendo algum desapontamento por conta da simplicidade de sua oferta, justificou-se:
“Rosas …  porque elas são joias de Deus: deixam a vida mais rica e bela!”
Os homens se entreolharam surpresos e, após se despedirem, cada um seguiu seu destino, dando finalidade diferente ao presente recebido.
O ingrato maldizendo sua falta de sorte por haver encontrado um gênio e dele recebido apenas flores, jogou-as num rio próximo.
O conformado, embora entristecido com a singeleza dos presentes, levou-as para casa, depositando-as num jarro.
O generoso, feliz pela oportunidade que tinha em mãos, decidiu repartir seu presente com os outros. Foi visto pela cidade distribuindo rosas, de porta em porta, com um detalhe: quanto mais rosas ofertava, mais seu buquê crescia em tamanho, beleza e perfume. Ao final, retornou para casa com uma carruagem repleta de rosas.
No dia seguinte, no mesmo local e instante, os três homens se reencontraram e, de subido, ressurgiu o gênio da lâmpada.
“Gênio que desejas?”, disse um deles.
“Que as vossas rosas se transformem em joias!”, disse o gênio. “Porque quem aceita com alegria um presente da vida, merece receber outros”.
Dessa forma, o homem generoso encontrou em casa uma carruagem repleta de joias, extraordinariamente belas, tornando-se um rico comerciante.
O homem conformado, retornando imediatamente para seu lar, encontrou pendurado sobre o jarro onde depositara as rosas, um lindo e valioso colar de pérolas. Sem mais nada dizer, resignou-se e deu de presente para sua esposa.
O homem ingrato dirigiu-se ao lugar onde jogara o buquê de rosas e viu, refletindo sobre as águas, um brilho intenso, próprio de joias valiosas, que foram imediatamente carregadas pela correnteza.
Paulo Coelho 

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Bruxismo Infantil




O Bruxismo é o hábito de apertar e ranger os dentes. Afeta adultos e crianças e apresenta diversos tipos e graus de severidade. Pode promover grande desgaste nos dentes, como é o caso desta criança, que mesmo sem ter cáries, precisou se submeter a tratamento endodontico (canal), porque o desgaste chegou a atindir a polpa (nervo) dental. Uma vez detectado o bruximo deve ser feita uma investigação bastante cuidadosa na tentativa de identificar sua orígem, inclusive envolvendo diversas especialidades médicas e odontológicas. Indivíduos que sofrem com o bruximo em grande parte dos casos também sofrem de distúrbios do sono e devem ser encaminhados aos profissionais competentes para uma avaliação. Há diversas formas de terapia propostas na literatura, desde tratamento psicológico até o medicamentoso. È importante, logo de início que o dano seja minimizado, impedindo que os desgastes sejam ainda maiores. Consulte seu dentista!!

segunda-feira, 14 de maio de 2012

A importância da vacinação contra a gripe

A Campanha de Vacinação contra a Gripe ocorre todos os anos na rede pública. Neste ano iniciou-se no dia 5 de maio último e se estenderá até o dia 25 deste mesmo mês. Ela é principalmente recomendada à pessoas expostas à um alto risco, que são elas:  idosos acima de 60 anos, portadores de doenças crônicas como diabetes, doenças cardíacas e pulmonares, pacientes imunodeprimidos, pessoas atuantes na área da saúde, dentre outros.
O pico da incidência da gripe costuma ser no princípio ou em meados do inverno. Desta forma, os meses iniciais do outono são os mais oportunos para a vacinação contra a gripe.
A vacina contra a gripe é modificada anualmente de acordo com as alterações do vírus, por isso a vacinação deve ser repetida todos os anos, para que a eficácia se mantenha.
A vacina oferecida na rede pública é a influenza trivalente. Crianças com idade entre 6 meses até 2 anos incompletos também estão sendo vacinadas.
Durante a campanha outras vacinas também estão sendo ministradas, desde que estejam na época correta.
As vacinas obrigatórias para as crianças são:
1º mês: BCG e 1º dose da Hepatite B
2º mês: Paralisia Infantil, 1º dose de Tetra(Difteria, tétano, coqueluche e hemófilo b), 1º dose de Rotavírus,2º dose de Hepatite B.
3º mês: 1º dose Pneumo 10,  1º dose Meningo C,
4º mês: 2º dose Paralisia Infantil, 2º dose Tetra, 2º dose de Rotavírus.
5º mês: 2º dose Pneumo 10, 2º dose Meningo C.
6º mês: 3º dose de Paralisia Infantil, 3º dose Tetra, 3º dose Hepatite B
7º mês: 3º dose Pneumo 10
1 ano: 1º dose Sarampo/ Caxumba/Rubéola, 3º dose Meningo C
1 ano e 3 meses: Reforço Paralisia Infantil, Reforço Difteria/Tétano/Coqueluche, Reforço Pneumo 10
4 anos: 2º Reforço Paralisia Infantil, 2º Reforço Difteria/Tétano/Coqueluche,2º dose Sarampo/Caxumba/Rubéola

Informações fornecidas pela auxiliar e estudante de enfermagem Rita de Souza.

Postagens populares

Pesquisar este blog