Observação: É proibida a reprodução total ou parcial deste Blog, sem a devida autorização da Equipe.

Compartilhando idéias, falando sobre odontologia e trocando informações

Este blog nasceu da necessidade de conectar a inspiração de suas criadoras com a mídia e as redes sociais.
Estamos em ascenção, nos organizando para trazer ao leitor textos impactantes, modelados na medida das necessidades de nossos leitores e de nossas próprias.
Não temos a pretensão de sermos um blog que vem ensinar mas, estamos em movimento de pesquisa constante, para aprender e divulgar o que for relevante às idéias que inspiraram sua criação.
Esteja conosco. Será um prazer desfrutarmos deste tempo juntamente com você.

Equipe Odontologando

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Hipotireoidismo e manifestações bucais

O que é hipotireoidismo?

O hipotireoidismo é um distúrbio que se manifesta pela falta de hormônio da tireóide (tireóide preguiçosa).
*É a doença mais comum da tireóide
*Ocorre com mais frequência em mulheres
*Pode atingir várias pessoas de uma mesma família

Quais os sintomas?

*Cansaço, apatia e desânimo
*Hipersensibilidade a frio
*Falha na memória
*Sono excessivo
*Pele seca e queda de cabelos
*Ganho de peso e retenção de líquidos
*Aumento do colesterol
*Tornozelo inchado e dores musculares
*Unhas quebradiças
*Períodos menstruais irregulares
*Diminuição do desejo sexual

Quais as complicações que o hipotireoidismo pode trazer?

*Insuficiência cardíaca
*Hipertensão arterial
*Glaucoma
*Anemia
*Disfunção respiratória
*Retardo mental
*Outras

Quais as possíveis manifestações bucais nos pacientes com hipotireoidismo?

*Alterações na estrutura do dente (hipoplasia de esmalte e alterações na dentina)
*Mordida aberta
*Retardo na erupção dentária e no desenvolvimento radicular
*Taurodontia
*Hipoplasia condilar
*Atresia maxilar ou mandibular
*Hipodesenvolvimento da mandíbula e prognatismo maxilar
*Diastemas (espaços entre os dentes)
*Aumento do risco de cáries, doenças periodontais e gengivite
*Hipossalivação (diminuição do fluxo salivar)
*Disgeusia (ausência de sensação gustativa)
*Macroglossia (aumento da língua)
*Atraso na cicatrização de feridas



Fonte: Revista Cubana de Estomatologia
Vol. 49 n2 abr-jun 2012

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Dentes de leite precisam ser tratados?

Uma das perguntas frequentes que o dentista ouve é se os dentes decíduos (dentes de leite), necessitam tratamento.
Muitos pais pensam que porque os dentes decíduos irão cair, não é necessário tratá-los.
Porém, usamos comumente a frase: "a boa saúde dos dentes de leite é a boa saúde dos dentes permanentes".
Desta forma, fazer prevenção na fase da dentição decídua possibilitará com maior probabilidade uma  boa saúde bucal na dentição permanente.
Os dentes de leite, além da mastigação, servem também para que a criança pronuncie bem as palavras e esboce um belo sorriso.
Muitas crianças, por não terem seus dentes tratados nesta fase, sofrem com dificuldades fonéticas e também sentem vergonha de sorrir.
As cáries aparecem  forma de manchas brancas facilmente detectáveis. Podem ser tratadas com facilidade por um especialista habilitado, um odontopediatra, que saberá resolver o problema da melhor forma. Quando não tratadas, essas manchas brancas evoluem e o dente fica quebradiço e aparecem  cavitações (furos no esmalte), provocadas pelo biofilme ou placa bacteriana (bactérias e restos alimentares).

Lembrando:
* as mamães devem levar seus filhos ao odontopediatra, assim que nascer o primeiro dente de leite.
*prevenir é sempre melhor do que remediar.



Ladisleine Quaglia Pedrosa - Odontopediatra

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Dentes de hipopótamo


Dentes de Hipopótamo (Cavalo do rio)


















Nome científico da espécie:  Hippopotamus amphibius

É um grande mamífero, que vive nos  rios e lagoas de África.

È o animal com a maior amplitude de abertura do mundo animal!

Seus dentes são bicudos, tornando um predador muito perigoso.

Pode ficar embaixo d´água por até 6 minutos. Passam grande parte do tempo mergulhado, ficando apenas com a cabeça de fora para respirar, praticamente só  as orelhas, os olhos e as narinas.

Pode ultrapassar 3 toneladas e 4 metros de comprimento.

Apesar do peso, pode correr até 30 km/h.

Um hipopótamo adulto pode permanecer debaixo de água cerca de seis minutos.

Protege sua pele com areia ou lama, evitando queimaduras do sol.

Sua alimentação diária chega a  200 e 300 kg de vegetais diarimante

O bebê nasce com cerca de 30 kilos, após 8 meses de gestação


Fonte: Zoológico de Sorocaba


































































Postagens populares

Pesquisar este blog